Ensino Fundamental I

/Ensino Fundamental I
Ensino Fundamental I2018-11-13T20:00:52+00:00

Vida de estudante

Ingressar no 1º Ano é um momento muito especial da vida escolar. Afinal, é quando se inaugura a chamada “formalização da escolaridade”, que coloca a criança no universo dos mais velhos, da “criança-grande”, que tem tarefas, calendário de horários, responsabilidades de estudante.

É neste contexto que buscamos, na Sarapiquá, desenvolver ainda mais uma atitude favorável da criança em relação ao conhecimento e à alegria de compartilhar com colegas e professores as suas aprendizagens, as suas perguntas e suas realizações. Entendemos que para a constituição do sujeito que prestigia a vida, temos um papel relevante, uma vez que é aqui que se vivem experiências e interações com as pessoas e com os conhecimentos que vão influenciar para a construção de conceitos positivos de convivência e de saber. Por isso, organizamos o espaço e o tempo dos alunos, na escola, de forma que sejam privilegiados o diálogo constante, a busca da compreensão de fatos e informações, as indagações e a pesquisa como conteúdos presentes em todas as aulas.

O papel do professor é orientar, organizar, questionar e apoiar o aluno, nesta sua etapa, favorecendo práticas que contemplem a busca da independência, da autoria, do desejo de aprender e do compromisso dele com o seu desenvolvimento. E é assim na hora de escrever um texto, desenhar uma imagem, pintar um pensamento, calcular um problema, investigar uma pergunta, experimentar um lanche, ler uma poesia ou movimentar uma perna.

Matemática
Significar a matemática a partir de sua história, e, principalmente, de seu uso no cotidiano, são conhecimentos essenciais para o trabalho desta ciência no ensino fundamental I. Assim, os principais conteúdos estudados são: conhecer os números, sua função e operação; ler, interpretar e resolver problemas, buscando diferentes estratégias; ter noções de espaço e formas. O objetivo central nesta fase é desenvolver o pensamento lógico/intuitivo e as habilidades de investigar, relacionar, refletir e organizar.

Ciências
Fazer perguntas sobre o mundo, seus mistérios, sobre a vida e a morte, levantar hipóteses para respondê-las e buscar comprovações, através da experiência e do pensamento, são alguns dos aspectos que movimentam o ensino de Ciências na escola. Portanto, instigar a curiosidade, a investigação, o debate e a comunicação de fatos e idéias são objetivos das aulas de Ciências, a fim de se construir relações entre os acontecimentos e as idéias, alargando a compreensão do mundo e das ações e as interações do ser humano com o Universo.

História
Construir o conhecimento da História – parte das informações e observações de passado e presente: semelhanças, diferenças, permanências e transformações ocorridas ao longo dos tempos -, e estudar as diferentes histórias que compõem as relações estabelecidas entre a coletividade local e outras coletividades, de outros tempos e lugares, são conteúdos desta área. Mas sempre observando que a História não é linear nem homogênea ampliando, assim, o conhecimento reflexivo e crítico da formação dos povos, seus costumes, trabalho e organização.

Geografia
A vida, os acontecimentos e o pensar ocorrem em um determinado tempo e espaço. E é sobre este tempo em relação ao espaço que os estudos em Geografia se baseiam no Ensino Fundamental I. Refletir sobre os ambientes em que se estruturam as sociedades e a ação dos seres humanos sobre estes ambientes, sobre os fenômenos naturais e sociais, são conteúdos estudados nas aulas, buscando traçar a relação individuo e coletividade, micro e macro espaço e diversidade de culturas.

Língua Portuguesa

Tornar-se usuários competentes da língua, saber fazer uso, criar, produzir, analisar são aspectos fundamentais às aprendizagens da língua portuguesa. O domínio da língua possibilita a plena participação social, o acesso à informação, a construção da cidadania, os diálogos com o mundo, a produção do conhecimento. Assim, a finalidade do ensino da língua portuguesa na escola é desenvolver a competência textual, verbal, interpretativa e produtiva dos diferentes e diversos textos da língua materna.

Artes
A Arte veicula leituras de mundo, desenvolve o pensamento através do visual, sonoro, cinestésico e metafórico. Ensina e traduz a vida. Portanto, a Arte tem como conteúdos o conhecimento da história, a construção da expressão lúdica-estética e a representação pessoal da leitura de mundo.

Educação Física
Os principais conteúdos das aulas de Educação Física são o conhecimento e a plena expressão do movimento humano. Para que sejam desenvolvidos, os alunos precisam viver o corpo, suas potencialidades e manifestações. O uso do jogo, do movimento e da brincadeira, como formas de expressão e desenvolvimento, possibilita o auto-conhecimento e o conhecimento do outro, para que os alunos possam agir e interagir com e sobre o mundo.

Língua Inglesa
O objetivo da aprendizagem de uma segunda língua, nesta fase do ensino, é que se perceba a linguagem como forma de interação e comunicação. Conhecer a cultura de outros povos possibilita, aos alunos, uma maior relação com a sua própria cultura.

Música
As aulas de música visam a desenvolver as inúmeras possibilidades de se produzir sons. O objetivo é fazer com que cada aluno descubra e perceba as formas de buscar sonoridades, trabalhando, entre outros elementos, o principal meio que viabiliza esta descoberta: o corpo humano. As crianças são envolvidas pelo processo criativo, que estimula a descoberta da expressividade e o crescimento com liberdade.

Hora do Conto
O projeto Hora do Conto da Sarapiquá resgata a oralidade dos contadores de histórias, uma tradição que vem sendo ameaçada pela massificação da linguagem visual. Desde o Infantil, os alunos se reúnem para ouvir e, mais tarde, começam a contar as suas próprias histórias. A literatura e as narrativas desenvolvem a expressão oral e, conseqüentemente, a escrita.

  • Disciplinas a cursar: Matemática, Língua Portuguesa, História, Geografia,
    Ciências, Artes, Língua Inglesa, Música, Educação Física e Hora do Conto.

Horário

  • Matutino: 7h30 às 12h
  • Vespertino: 13h30 às 18h

Rotina Diária

A rotina diária compreende atividades que marcam os diferentes momentos.

Cada segmento organiza sua rotina considerando suas necessidades específicas. De modo geral, existem situações comuns a todos segmentos da escola, como:

– Socialização da pauta do dia;
 Chamada (olhar para cada um – presença);
 As atividades nas áreas do conhecimento – conforme calendário de aulas de cada turma;
– O lanche coletivo (compartilhar o alimento, o cuidado com a qualidade do que se come, como e as atitudes);
 Fechamento do dia com avaliação realizada no grupo.

Versão para impressão

Itens de uso individual que permanecerão na mochila. Esses materiais deverão ser repostos quando necessário.

  • 1 caderno universitário brochura, sem pauta, 1 matéria (96 folhas)
  • 1 repelente
  • 1 caixa de lápis de cor aquarelado com 12 cores
  • 1 estojo de hidrocor fina com 12 cores
  • 1 apontador
  • 2 borrachas macias
  • 3 lápis preto nº 2 triangular grosso
  • 2 lápis preto 6B
  • 1 tesoura sem ponta
  • 1 bloquinho de anotações ou caderneta sem pauta
  • 1 pasta A4 com elástico
  • 1 caderno de desenho A4

Itens que ficarão armazenados na sala de aula

  • 1 bloco de papel canson A3
  • 1 bloco de papel canson A4
  • 1 resma de papel sulfite A4
  • 2 caixas de massa de modelar atóxica – não Soft
  • 1 pote de cola à base de PVA 150g
  • 1 tubo de cola branca 110g
  • 1 bloco de papel creative paper (ou similar)
  • 1 caixa de giz pastel
  • 1 caixa de lápis de cor aquarelável com 12 cores
  • 1 caixa de giz de cera com 12 cores
  • 1 estojo de hidrocor grossa 12 cores
  • 1 pincel escolar chato tamanho 8 a 14
  • 4 tubos de cola bastão grosso

Livro de Literatura:

2º Semestre: LEITE, Márcia. Poeminhas da terra. São Paulo: Editora Pulo do Gato, 2016.

OBSa) A agenda é fornecida pela escola.

           b) Atenção para a qualidade dos materiais.

           c) Os materiais devem vir identificados com nome e turma do/a aluno/a.

           d) O material solicitado deverá ser entregue ao professor por ocasião da entrevista individual, que ocorrerá em Fevereiro de 2019, antes do início das aulas. O referido material será usado pelo aluno no decorrer do ano.

           e) Caso não ocorra a entrevista, o material deverá ser entregue ao professor no dia 18/02/19.

Versão para impressão

Material Individual:  DEVE SER IDENTIFICADO E REPOSTO QUANDO NECESSÁRIO (PERDA OU CONSUMO).

  • 1 dicionário pequeno de Língua Portuguesa (Aurélio; Soares Amora ou Silveira Bueno)
  • 1 caderno quadriculado para Matemática (quadrado grande – 1 cm – 48 folhas)
  • 1 caderno pequeno pautado (48 folhas – capa dura para Língua Inglesa)
  • 1 caderno pautado capa dura, brochura (universitário – 96 folhas – para LP, Ciências, Hist. e Geo.)
  • 1 cx de lápis aquarelado 12 cores
  • 1 estojo de canetinhas hidrocor 12 cores
  • 1 tesoura sem ponta
  • 3 lápis preto nº 2
  • 1 borracha macia
  • 1 apontador
  • 1 pasta com elástico tamanho A3
  • 1 pasta fichário – 4 furos – capa dura – padrão escolar
  • 1 régua 30 cm
  • 1 tubo de cola bastão
  • 1 repelente
  • 1 bloco canson A3

O material abaixo permanecerá no armário da sala de aula

  • 1 resma de papel sulfite A4 branco
  • 1 bloco criativo (creative paper ou similar)
  • 2 blocos de papel Canson A4
  • 1 bloco de papel dobradura
  • 1 cx. de giz de cera grosso 12 cores
  • 1 cx. de giz pastel
  • 2 cxs. de massa modelar atóxica – não Soft
  • 1 tubo de cola bastão 40gr
  • 2 lápis preto 6B
  • 1 prancheta
  • 1 pincel escolar chato tamanho 08 a 14
  • 1 tinta guache verde ou azul

Livros de Literatura:

1º Semestre: ALMEIDA, Lucila Silva de; BAROUKCH, Josca Ailine. Parlendas para brincar. São Paulo: Panda books, 2013.

2º Semestre: PORTO, Cristina e Michele. O Diário escondido de Serafina. São Paulo: Ática, 2000.

OBS: a) Atenção à qualidade dos materiais.

           b) A agenda é fornecida pela Escola.

TODO O MATERIAL DEVE SER ENTREGUE NO PRIMEIRO DIA DE AULA (18/02/2019).

Versão para impressão

Material Individual:  DEVE SER IDENTIFICADO E REPOSTO QUANDO NECESSÁRIO (PERDA OU CONSUMO).

  • 1 dicionário pequeno de Língua Portuguesa (Soares Amora, Aurélio ou Silveira Bueno)
  • 1 caderno pautado,  brochura, capa dura (48 folhas – para Língua Portuguesa, Ciências, História e Geografia (um único caderno para as 4 disciplinas)
  • 1 caderno quadriculado para Matemática quadrado grande (1 cm –  48 folhas)
  • 1 caderno grande pautado (48 folhas – capa dura para Texto)
  • 1 caderno capa dura – brochura – grande – 48 folhas – Língua Inglesa
  • 1 pasta com elástico tamanho A3
  • 1 pasta fichário – 4 furos, capa dura, padrão escolar
  • 1 cx lápis aquarelado 12 cores
  • 1 estojo de canetinhas hidrocor -12 cores
  • 1 tesoura sem ponta
  • 3 lápis preto nº 2
  • 2 lápis preto 6B
  • 1 borracha macia
  • 1 apontador
  • 1 régua 30 cm
  • 1 tubo de cola bastão
  • 1 repelente

O material abaixo ficará no armário da sala de aula

  • 1 resma de papel sulfite A4 branco
  • 1 bloco criativo (creative paper ou similar)
  • 2 blocos de papel Canson A4
  • 1 bloco de papel dobradura
  • 2 cxs. de massa modelar atóxica – não Soft
  • 1 tubo de cola bastão 40gr
  • 1 tubo de cola líquida branca pequena
  • 1 prancheta
  • 1 pincel escolar chato tamanho 08 a 14
  • 1 tinta guache vermelha ou amarela
  • 1 aquarela escolar

Livro Paradidático:

FURNARI, Eva. Os problemas da família Gorgonzola. São Paulo. Ed. Moderna

Livros de Literatura:

1º semestre: TAYLOR, Sean. Cobra-grande: histórias da Amazônia. Tradução Maria da Anunciação Rodrigues. São Paulo: Edições SM, 2008..

2º semestre: DAHL,  Roald. O BGA (O Bom Gigante Amigo).  São Paulo: Editora 34, 2016.

OBS: a) Atenção à qualidade dos materiais.

            b) A agenda é fornecida pela Escola.

TODO O MATERIAL  DEVE SER ENTREGUE NO PRIMEIRO DIA DE AULA (18/02/2019).

Versão para impressão

No início do ano letivo, os(as) alunos(as) deverão trazer para a Escola os seguintes itens:

 Material Individual:  DEVE SER IDENTIFICADO E REPOSTO QUANDO NECESSÁRIO (PERDA OU CONSUMO).

  • 1 Dicionário pequeno de Língua Portuguesa (Aurélio, Soares Amora, Silveira Bueno)
  • 1 caderno pequeno pautado, capa dura (48 folhas) para História e Geografia
  • 1 caderno pequeno pautado, capa dura (48 folhas) para Ciências Naturais
  • 1 caderno quadriculado grande/universitário para Matemática (quadrado de 1 cm –  96 folhas)
  • 1 caderno grande pautado para Língua Inglesa – 48 folhas
  • 1 caderno brochura universitário 96 folhas – para Texto e Língua Portuguesa
  • 1 cx. lápis aquarelado 12 cores
  • 1 estojo de canetinhas hidrocor 12 cores
  • 1 tesoura sem ponta
  • 3 lápis preto nº 2
  • 1 borracha macia
  • 1 apontador
  • 1 régua 30 cm
  • 2 tubos de cola bastão
  • 1 pasta fina com elástico A3
  • 1 pasta fichário – 4 furos – capa dura, padrão escolar
  • 1 repelente

O material abaixo ficará no armário de sala de aula

  • 1 resma de papel sulfite A4 branco
  • 1 bloco criativo (creative paper ou similar)
  • 2 blocos de papel Canson A4
  • 1 cx. de massa modelar atóxica –  não Soft
  • 2 tubos de cola bastão 40gr
  • 1 pote de 500gr de cola branca
  • 2 lápis preto 6B
  • 1 prancheta
  • 1 pincel escolar chato tamanho 08 a 14
  • 1 aquarela escolar
  • 1 tinta guache branca ou laranja
  • Livro de Literatura:MUNDURUKU, Daniel. Vozes ancestrais: dez contos indígenas. 1. ed. – São Paulo: FTD, 2016.*Ao longo do ano poderá ser solicitada a adoção de um segundo livro.OBS: a) Atenção à qualidade dos materiais.

                      b) A agenda é fornecida pela Escola.

  • TODO O MATERIAL  DEVE SER ENTREGUE NO PRIMEIRO DIA DE AULA (18/02/2019).

Versão para impressão

No início do ano letivo, os(as) alunos(as)  deverão trazer para a Escola os seguintes itens:

 Material Individual: DEVE SER IDENTIFICADO E REPOSTO QUANDO NECESSÁRIO (PERDA OU CONSUMO).

  • 1 dicionário pequeno de Língua Portuguesa (Aurélio; Soares Amora ou Silveira Bueno)
  • 1 caderno pequeno pautado, capa dura (48 folhas) para História e Geografia
  • 1 caderno pequeno pautado, capa dura (48 folhas) para Ciências Naturais
  • 1 caderno quadriculado para Matemática (1cm) com 96 folhas
  • 1 caderno pequeno pautado (48 folhas) para Língua Inglesa
  • 1 caderno universitário 96 folhas – para Textos e Língua Portuguesa
  • 1 cx de lápis aquarelado 12 cores
  • 1 estojo de canetinhas hidrocor -12 cores
  • 1 tesoura sem ponta
  • 3 lápis preto nº 2
  • 1 borracha macia e 1 apontador
  • 1 régua 30 cm
  • 1 caneta esferográfica azul ou preta
  • 1 pasta fichário 4 furos – capa dura, padrão escolar
  • 1 pasta com elástico tamanho A3
  • 2 tubo de cola bastão
  • 1 repelente

O material abaixo permanecerá na sala de aula

  • 1 resma de papel sulfite A4 branco
  • 100 folhas de papel sulfite A4 – amarelo
  • 2 blocos de papel Canson A4
  • 1 bloco de papel dobradura
  • 1 cx. de massa modelar atóxica –  não Soft
  • 2 tubos de cola bastão 40gr
  • 1 cx de cola colorida
  • 2 lápis preto 6B
  • 1 prancheta
  • 1 pincel escolar chato tamanho 08 a 14
  • 1 aquarela escolar
  • 1 tinta guache preta ou marrom

Livro Didático

Ciências – Projeto Presente Ciências Naturais – 5º ano – Célia R. Carone, Edilson A. Pichilian, Lilian Bacich – Editora Moderna – 4 º edição de 2015.

Livro de Literatura

DIAKITÉ, Baba Wagué. O dom da infância: memórias de um garoto africano. Tradução: Marcos Bagno. São Paulo: Edições SM, 2012.

*Ao longo do ano poderá ser solicitada a adoção de um segundo livro.

OBS: a) Atenção para a qualidade dos materiais.

           b) A agenda é fornecida pela Escola.

TODO O MATERIAL  DEVE SER ENTREGUE NO PRIMEIRO DIA DE AULA (18/02/2019).

1º ano matutino
Projeto Criança e Natureza

O Projeto: Criança e Natureza tem o objetivo de proporcionar a integração das crianças com a natureza, trabalhando os medos do desconhecido e do perigoso, questão atualmente vivida com muita tensão, distanciando as crianças do ambiente externo. A pesquisa da fauna e flora estará em pauta, como também o trilhar caminhos e o brincar ao ar livre. Trabalharemos primeiramente o ambiente da escola, observando os animais que habitam a Mata Atlântica, as árvores que temos e também brincando com o imaginário através do bicho Sarapiquá.
A pesquisa afina para o estudo de alguns animais, com o foco na moradia, comunicação, alimentação e função desses seres no meio ambiente, com  foco na escolha dos animais e trabalhando alguns elementos da natureza: “terra, água e ar”.
Saídas de estudos para a observação e busca de dados será realizado, como também o brincar ao ar livre.
Os livros adotados serão na linha da pesquisa específicos, dos contos literários. A turma construirá seus próprios seres da natureza na linguagem das artes. Também criará a sua própria história e esses seres ganharão nomes e função na natureza.
Um dos livros trabalhados narra a história das moradias e tendo-o como referência, o grupo caminhará para a descoberta e conhecimento das moradias de cada um dos alunos. Irão visitar a casa de cada colega, contemplando os espaços de brincar e deixando uma planta como “nova moradora” das casas, presente que representará a visita,
Ainda, o projeto abordará a feitiçaria da natureza e será construído um “laboratório de alquimia”, com o foco na pesquisa das plantas medicinais, alimentos do bem e o cuidado com massagem, produzindo óleos, chás, almofadas aromáticas e outros.
Professora Luana Longhi

1º ano vespertino

Vida de Estudante
1º – De onde veio o Sarapiquá?
Sensibilizar, instigar, potencializar o ato criativo através das histórias do Bicho Sarapiquá, oportunizando conhecer a história da escola, bem como, favorecendo a construção de vínculo e pertencimento a nova fase escolar que se inicia.

2º – De onde vim? Quem sou?
A intenção é possibilitar o reencontro da criança com a sua história, com seu corpo, com a sua aprendizagem, sua potencialidade de aprendiz; bem como, desacomodar o ser de cada um no encontro com o ser do outro. Favorecer os encontros e desencontros dessas histórias de crianças que tem suas diferenças e suas semelhanças; seus desafios e suas potencialidades; crianças que aprendem a se reconhecer um no outro e neste novo contexto da vida escolar.

3° – De onde viemos? Quem somos?
Após termos viajado pela história de cada um, buscaremos nossos antepassados, nossa origem como seres humanos. Instigar, sensibilizar para o ato reflexivo, filosofar o mundo e suas origens, destacando a evolução do homem e da escrita. Trabalharemos com as explicações dos mitos, lendas e ciência.
Prof. Ana Paula Torrico

2º ano vespertino

PROJETO VIDA PELO MUNDO
Objetivo: Pesquisar, conhecer e respeitar as diversas formas de vida, tendo como foco pessoas, sociedades e culturas.
Áreas: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Artes, História e Geografia.

PROJETO MATA ATLÂNTICA
Objetivo: Conhecer e preservar o ecossistema – vida animal e vegetal – que envolve o espaço em que moramos.
Áreas: Ciências, História e Geografia.

3º ano matutino

PROJETO AVENTURAS NO MAR
Objetivo: Conhecer a vida marinha, localizar-se geograficamente e aprimorar a leitura. Inspiração no livro “Viagem ao Centro da Terra”, de Júlio Verne.
Áreas: Língua Portuguesa, Ciências, Matemática, História e Geografia.

PROJETO FAUNA DE FLORIPA
Objetivo: Conhecer para preservar a fauna que habita conosco a Ilha de Santa Catarina.
Áreas: Ciências e Geografia.

3º ano vespertino

PROJETO MARINHO
Objetivo: Aprimorar a leitura, o prazer em ler e a interpretação, bem como dar início à pesquisa. Inspiração no livro “Viagem ao Centro da Terra”, de Júlio Verne.
Áreas: Língua Portuguesa, Ciências e Artes.

PROJETO DO MUNDO ATÉ A ILHA
Objetivo: Localizar-se geograficamente, situando-se do macro ao micro a partir da cartografia.
Áreas: História e Geografia.

3ºanos matutino e vespertino

PROJETO INTERCULTURAS: Escola Sarapiquá e Escola Latino-americana.
Objetivo: Resgatar uma cultura latino-americano a partir da troca de informações acerca de cada estudante, das escolas em questão e das cidades de Florianópolis e Montevidéu. Utilizar correio convencional, e-mail e Skype.
Áreas: Língua Portuguesa, História e Geografia.

4º ano matutino

PROJETO CONTOS DE FADAS
Objetivo: Aprofundar a leitura, a interpretação contextualizada e a escrita a partir dos contos de fadas, fazendo um comparativo entre os clássicos, seus momentos históricos e suas versões.
Áreas: Língua Portuguesa, História e Geografia.

PROJETO ARTE NAIF: O QUADRO CONTA UMA HISTÓRIA
Objetivo: Aprimorar a linguagem artística com conhecimentos, interpretações (releitura) e produções estéticas.
Áreas: Artes e Língua Portuguesa

4º ano vespertino

PROJETO ETNIAS DE SANTA CATARINA
Objetivo: Aprofundar conhecimentos e consequentemente ampliar a valorização e o respeito pelas diversas etnias que constituíram e constituem a cultura catarinense.
Áreas: História, Geografia e Língua Portuguesa.

PROJETO COLCHA DE RETALHOS
Objetivo: Ao longo do processo, representar com arte e pano os conceitos sistematizados nas diversas áreas do conhecimento, inter-relacionando-os.
Áreas: Matemática, Ciências, Artes, Língua Portuguesa, História e Geografia.

5º ano matutino

PROJETO MODERNISMO
Objetivo: Aprimorar a produção artística a partir da pesquisa e contextualização das obras de Tarsila do Amaral.
Áreas: Artes e Língua Portuguesa

PROJETO “E SE…”
Objetivo: Interligar ciência e literatura, contextualizando e produzindo ficção científica.
Áreas: Língua Portuguesa, História/Geografia e Ciências.

5º ano vespertino

PROJETO TRANSFORMANDO O LIXO
Objetivo: Com base na obra de Vik Muniz, sensibilizar-se para a estreita ligação entre sustentabilidade e arte.
Áreas: Ciências, Artes, Regência e Língua Portuguesa.

PROJETO CULTURA AFRO
Objetivo: Relacionar a cultura afro-brasileira com a resistência histórica desta etnia, compreendendo contextualizadamente a nossa cultura.
Áreas: Língua Portuguesa, História e Geografia.

Língua Inglesa – 4ºM e 4ºV

PROJETO VOCABULÁRIO
Objetivo: Identificar, rever e aplicar o vocabulário em estudo.
Área: Língua Inglesa

Educação Física – 5ºM e 5º V

PROJETO ESPORTES DA ESCOLA
Objetivo: Transitar pela prática desportiva como experiência escolar.
Área: Educação Física

Música – 2º, 3º, 4º e 5º Anos

PROJETO FLAUTA
Objetivo: Ao tocar/cantar as peças do repertório os estudantes poderão ajustar afinação, exercitar o controle da respiração, vivenciar o fraseamento musical e desenvolver a percepção auditiva.

Ler, escrever e desenhar o mundo são experiências vividas pelos alunos desde a Escola Infantil. Portanto, ao ingressar no 1º Ano, alguns conhecimentos prévios sobre o universo da comunicação já estão presentes na criança. Intensificar o significado do quê, como e porque se escreve e se lê, e sistematizar a produção do aluno, são as principais práticas desenvolvidas neste ciclo do ensino, buscando ampliar o conhecimento sobre a função e uso da língua escrita e falada.
Neste sentido, o texto é o principal instrumento utilizado, estudado e desenvolvido nas aulas. O texto tem: diversidades (escrito, falado, cantado, lido), tipologias (poético, narrativo, informativo, descritivo) e análise (gramatical e ortográfica). 

A avaliação, para os alunos, é o instrumento de tomada de consciência de suas conquistas, dificuldades e possibilidades para reorganização na tarefa de aprender e, assim, assegurar seu crescimento na aprendizagem. Para a escola, possibilita definir prioridades e localizar necessidades.

Neste processo é levado em conta o que o aluno sabe, como ele utiliza e mostra este saber e o que precisa aprender. Para isso, são observados: a sua postura em sala de aula (a participação, o compromisso e o interesse), os seus cadernos e folhas de registro (organização, cuidado, anotações, comprometimento com as suas tarefas e se as executa com qualidade), os seus trabalhos de pesquisa em grupo ou individuais, as provas e os demais registros solicitados pelo professor.

No ensino fundamental, o desempenho escolar do aluno é formalizado trimestralmente através de avaliações descritivas, consolidadas em relatórios de grupo e individuais. Eles apontam os conteúdos trabalhados, aprendizagens e os desafios dos alunos. Há também a avaliação através de conceitos. Estas avaliações são entregues aos pais em reunião, mas também são mostradas aos alunos e discutidas em classe previamente.

Recuperação ou Grupo de Estudos

A recuperação é feita em encontros – chamados “grupos de estudos” semanais no Fundamental I. Estas aulas têm o objetivo de rever e fortalecer os conteúdos que não ficaram compreendidos pelos alunos, na avaliação do professor.

O conselho de classe, que acontece trimestralmente, é um momento de encontro de toda equipe pedagógica para se discutir, coletivamente, as questões relacionadas à aprendizagem e à prática escolar.